Irlanda

O que a chuva esfria, a simpatia aquece

O irlandês tem fama de religioso, combativo e beberrão. E pode acrescentar muito amável ao currículo. Além de vários ruivos (10% da população), você sempre vai encontrar alguém disposto a dar informação ou esclarecer dúvidas nas ruas.

Num país em que as chuvas são constantes e o frio é congelante no inverno, a sensação de ser bem-vindo aquece o coração.

A Irlanda é a terceira maior ilha da Europa, mas a República da Irlanda, o país que conhecemos como tal, ocupa cinco sextos do território. Na área restante está a Irlanda do Norte, que pertence ao Reino Unido.

A separação da Inglaterra fez bem a essa parte da ilha, que deixou de ser uma das nações pobres da Europa para ter o sétimo melhor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do mundo.

A capital, Dublin, é pequena, boa para conhecer a pé e cheia de igrejas e heranças medievais, como a Christ Church Catedral ou o castelo da Dame Street.

O Saint Stephen’s Green é o parque mais popular, sob medida para quem está buscando contato com a natureza.

Na Trinity College, faculdade que existe desde 1.592, está uma das bibliotecas mais antigas do mundo, a Old Library, que guarda o Livro de Kells, manuscrito de 800 d.C.

Já os pubs turísticos ficam em Temple Bar.

A segunda maior cidade é Cork, onde morou a universitária Clara Viegas. Ela viajou com a Central do Estudante para estudar inglês durante cinco meses e destaca uma vantagem do lugar onde vivia para quem quer aprender o idioma.

“Eu aconselho Cork porque não tem tanto brasileiro quanto Dublin. É uma cidade muito bonita, pequena, mas bem acolhedora.”

Clara gostava de passear no Fitzgerald Park, que fica às margens do rio Lee e abriga o Cork Public Museum, um museu gratuito que conta a história da cidade.

Já o estudante Tiago Batista morou do outro lado da ilha, em Ennis, cidadezinha de 25 mil habitantes que é capital do condado de Clare.

Tiago cursou seis meses do ensino médio no país e viveu na casa de uma família irlandesa, experiência que mudou a vida dele.

“Você volta outra pessoa, com outra visão de mundo, outra maneira de encarar as coisas. Eu cresci bastante durante o intercâmbio.”

Pertinho de onde Tiago morava está uma das maiores atrações naturais da Irlanda, o Penhasco de Moher (Cliffs of Moher), oito quilômetros de falésias que se estendem pelo Oceano Atlântico.

Clima

Temperado Oceânico

Território

70.273 km²

Idioma

Inglês

Fuso Horário

(UTC +0 e +1)

População

4.773 milhões

C.Telefônico

+ 353

Voltagem

230 V (ver tomada aqui)

Moeda

Euro (‎€)

Feriados

01/01 - Ano Novo
17/03 - Dia de São Patrício
- Segunda-feira de Páscoa
- Dia do Trabalhador (1ª segunda-feira de Maio)
- Feriado de Junho (1ª segunda-feira de Junho)
- Feriado de Agosto (1ª segunda-feira de Agosto)
- Feriado de Outubro (1ª segunda-feira de Outubro)
25/12 - Natal
26/12 - Dia de St. Stephen

Cultura


Deprecated: wp_make_content_images_responsive está obsoleto desde a versão 5.5.0! Use wp_filter_content_tags() em seu lugar. in /home/dh_bfbpte/centraldoestudante.com.br/public/wp-includes/functions.php on line 4777

A população do país tem muito orgulho da herança celta e, mesmo com a grande influência inglesa, dos tempos de colonização, manteve o legado nativo, mesclando as festas pagãs do povo de origem com a tradição católica local.

Apesar do inglês ser a língua corrente, ele é o idioma oficial secundário. Aprender irlandês é obrigatório nas escolas e toda sinalização costuma ser bilíngue.

O trevo é o símbolo do país. O tom de verde da folha também representa a Irlanda, e é muito usado na festa de St. Patrick, padroeiro celebrado no dia 17 de março com desfiles pelas ruas e muita cerveja verde (tingida com corante).

O futebol, o rugby e o críquete são os esportes mais populares.

Gastronomia


Deprecated: wp_make_content_images_responsive está obsoleto desde a versão 5.5.0! Use wp_filter_content_tags() em seu lugar. in /home/dh_bfbpte/centraldoestudante.com.br/public/wp-includes/functions.php on line 4777

O Irish Breakfast (café da manhã irlandês) tem carne de porco (salsichas, linguiças e chouriços), ovo e um tipo de feijão doce.

Clara Viegas lembra que, além de tomar muito chá, os irlandeses jantam cedo.

“Seis horas da tarde e não costumam comer nada depois.”

Tiago Batista diz que a batata está presente em todas as mesas e pode ser servida em até duas preparações na mesma refeição.

O ensopado irlandês é um prato muito típico, com carne de cordeiro ou carneiro, batatas, aipo, cenoura e alho. Assim como o lombo de porco (ou bacon) com repolho e o fish and chips, peixe empanado com batata frita.

A cerveja Guinness é a mais conhecida da Irlanda. Os passeios pelas fábricas da Guinness e do uísque Jameson fazem sucesso em Dublin. O Bailey’s é um licor muito popular, conhecido como Irish Cream, que mistura creme de baunilha e café.

Compras


Deprecated: wp_make_content_images_responsive está obsoleto desde a versão 5.5.0! Use wp_filter_content_tags() em seu lugar. in /home/dh_bfbpte/centraldoestudante.com.br/public/wp-includes/functions.php on line 4777

A Grafton Street é o centro comercial de Dublin e tem uma loja de departamentos famosa em todo país, a Brown Thomas.

O lugar das roupas baratas é a Penney’s. Já a River Island é uma fast fashion descolada, que tem acessórios divertidos.

Quem quer souvenires tradicionais encontra vários símbolos da Irlanda na Carrolls. Já quem prefere produtos diferentes e criativos, pode procurar a Avoca, que também tem cafés e minimercados em suas lojas.

Dicas


Deprecated: wp_make_content_images_responsive está obsoleto desde a versão 5.5.0! Use wp_filter_content_tags() em seu lugar. in /home/dh_bfbpte/centraldoestudante.com.br/public/wp-includes/functions.php on line 4777

A Magic Road é uma estrada que fica em Comeragh Mountains, no distrito de Waterford. Essa estrada é tida como mágica porque desafia a gravidade. Carros parados em ponto morto costumam andar de ré, em vez de descer, como acontece na rua do Amendoim, ponto turístico bastante conhecido em Belo Horizonte.

A sidra é muito popular na Irlanda. A mais conhecida é a Bulmers, que fica em meio às torneiras de cerveja nos pubs. Cuidado para não pedir uma por engano.

Além do tradicional Temple Bar, pub de mesmo nome da região dos bares turísticos da capital, outros que fazem sucesso na cidade são o The Barge e o The Parnell Heritage.

Clara indica a cervejaria Franciscan Well como um ótimo lugar para comer pizza em Cork.